O município de Piranhas, localizado no sertão alagoano, foi um dos sete destinos brasileiros selecionados pelo Ministério do Turismo (Mtur), para usar a “Smart Survey”, uma plataforma que realiza pesquisa de Demanda Turística de forma totalmente

A plataforma poderá ser utilizada durante seis meses de forma gratuita pela Secretaria Municipal de Turismo de Piranhas. Além disso, o município também fará parte de uma lista do MTur de cidades interessadas em tornar-se um Destino Turístico Inteligente, para futuras ações da pasta.

Cerca de 80 destinos, de Norte a Sul do país, participaram da seleção para o uso da plataforma. Além de Piranhas, foram selecionadas também as cidades de São Miguel das Missões (RS), Ilhabela (SP), Socorro (SP), Cairu (BA), Aquidauana (MS) e Rio Branco (AC).

Para o secretário de Turismo de Piranhas, Eduardo Clemente, esse é mais um passo positivo dado pela gestão do prefeito Tiago Freitas no fortalecimento do setor turístico municipal. “Realizamos a inscrição e fomos selecionados para fazer parte dessa iniciativa, que  elevará o destino turístico de Piranhas para outros horizontes. Essa plataforma dará mais eficiência ao levantamento de dados em relação ao fluxo e demanda turística do município”, mencionou.

Smart Tour

A Smart Tour é uma startup de tecnologia de ponta voltada para a gestão pública do turismo, com soluções inovadoras. Além do reconhecimento no Prêmio Nacional do Turismo, a empresa catarinense foi uma das finalistas do 1º Desafio Brasileiro de Inovação em Turismo, promovido pelo MTur e o Wakalua – primeiro polo global de inovação em turismo -, que consagrou iniciativas destinadas à retomada do setor.

A empresa também foi destaque na 3ª Competição Global de Startups da Organização Mundial do Turismo (OMT) e fez parte do grupo de finalistas do Healing Solutions for Tourism Challenge, realizado no ano passado pela OMT.

  Saúde inicia vacinação de jovens de 12 a 17 anos